El Jardín Del Convento


O Hotel

Hervás vive mergulhado no sonho do mito e da realidade de ser a maior judiaria de Espanha. O mito é uma força poderosa, e chegamos ao nosso hotel, um edifício de meados do século XIX junto do antigo convento dos Trinitarios Descalzos, que hoje é apenas uma igreja e que com o seu ambiente nos convida a viver intensamente a quietude desta vila histórica no Vale de Ambroz, paralelo ao do Jerte e não muito longe das igualmente míticas Hurdes.

Mas este ambiente de El Jardín del Convento dá a sensação de ser mágico, e o jardim que lhe dá o nome poderia ter plantas encantadas a desabrochar, pois ficamos hipnotizados ao contemplar esta floresta verde na parte alta da vila, da nossa janela ou da sala de refeições envidraçada, que se abre para o exterior quando chega o calor. No verão é uma delícia tomar o pequeno-almoço com vista para as árvores de fruta, os loureiros, as flores de cultivo, envolvidos pelos gorjeios matinais de todo o tipo de pássaros.

No inverno sentimos o prazer do calor da casa em frente ao jardim molhado de orvalho. Não se trata de um hotel com pretensões, e sentimo-nos felizes no meio da sua deliciosa simplicidade. Isto deve-se ao enorme empenhamento de Carlos, Julia e Amós, que cuidam da sua casa já secular com carinho. Basta observar um pequeno-almoço no qual a fruta da época brilha de frescura e é igualmente apresentada nas compotas feitas por eles em casa com verdadeira ternura.

São produzidas na própria horta as abóboras, tomates, ameixas, peras, cerejas e pêssegos que enchem as taças e reclamam, tal como o presunto, uma fatia de pão de trigo-candial que ao ser tostado enche a casa de aromas. Uma extravagância do pequeno-almoço é o pólen fresco, que um apicultor recolhe na vila. Desfaz-se na boca, com todo o seu aroma. Os quartos com terraço sobre o jardim e o vale são uma delícia. A pequena casa do jardim no meio da vegetação é um autêntico privilégio.


Acessibilidade

Tendo por objectivo oferecer um bom serviço, o primeiro quarto no piso térreo, que dispõe da sua própria lareira, foi organizado de forma a poder servir os clientes com mobilidade reduzida. Este quarto possui uma elegante casa de banho adaptada. Sinalização em Braille e em relevo em diversos locais do hotel.


O que fazer?

 Atividades

A nossa actividade favorita é fruto deste ambiente de relaxamento que é sugerido pelo jardim e por toda a casa: é a leitura e a música, da qual Carlos é um bom conhecedor. É possível ler um pouco de tudo. No entanto é igualmente uma boa ideia sair para percorrer a pé o Vale de Ambroz, visitar a zona mais antiga da vila, apanhar cogumelos ou observar as aves do bosque de carvalhos e castanheiros. O próprio Amós assinalou nos mapas do hotel o traçado dos caminhos para nos ajudar. A partir de Hervás podemos visitar Plasencia, com as suas duas catedrais, ou o Vale do Jerte.

 Lugares para Visitar

A referência cultural mais importante é Plasencia, com as suas duas catedrais em estilo plateresco (estilo renascentista especificamente espanhol) e a sua zona histórica, a menos de meia hora de carro do hotel. E recomendamos Granadilla (aldeia medieval, construída no interior da muralha, abandonada e em processo de recuperação, a 28 km), Candelario (vila de montanha magnificamente conservada, a 20 km, já em Salamanca) e as ruínas romanas de Cáparra, a 30 km. Mais informações em www.turismodehervas.com

 

 Livros

- El valle del Jerte y del Ambroz: 20  recorridos a pie.
- La invención de la tradición judía. Centro de Estudios Bejaranos. De Marciano DE HERVÁS. 2010.
- El Senderista, 2002. Damián DE LA CRUZ y José Carlos SERRANO. 15€
- Cáceres. Colección Guiarama. Anaya Touring. Varios autores. 10€


Gastronomia

 Cozinha

O hotel só serve pequenos-almoços, onde não falta a já referida fruta fresca, sumo de laranja acabado de fazer, queijos da Estremadura e presunto, compotas feitas em casa, confeitaria e doces típicos de Hervás, pão de trigo-candial. Na vila existem magníficos restaurantes sobre os quais o hotel nos dá informações.

 Os Produtos Típicos

Enchidos diversos, queijos, artesanato em madeira, cestas de castanheiro, cerejas da época.


Instruções 


Galeria